quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Novos projetos de lei

Estou trabalhando num projeto de lei cristã. Não estou, neste post, discutindo a questão de porque homossexualismo e sexo sem casamento, dentre outros, deve ser proibido, farei em outros posts.

Mas aos cristãos, tenho esses projetos de lei, que estão ainda em faze de planejamento mesmo, mesmo leigo quanto a leis e modo de escrita, livre para criatividade e aperfeiçoamento:


Sexo sem casamento é pra ser proibido.
Se alguém fizer sexo sem casamento poderá inclusive ser obrigado a casar.
Adultério ser crime, punivel até mesmo, de alguma forma.
adultérios consetindos, infidelidade mesmo que consentida, inclusive orgia consentida, serem proibidos.

Casamentos homossexuais serem proibidos, bem como o sexo homossexual (com ou sem casamento) e os casamentos atuais anulados.
Casamentos com animais, crianças, casamentos homossexuais, deve ser proibido.

Sexo com animais deve ser crime punível por lei de defesa dos direitos dos animais, inclusive, e mal social.


Homem se passar por mulher ou mulher se passar por homem ser proibido, como engano e mentira (que também deve ser proibido), bem como mentir que é de um sexo se é naturalmente de outro, sendo inclusive crime de falsidade ideológica.

Homens e mulheres não poderem trocar de sexos e fazer adapatações sexuais como colocar mais genitalias, mudar genitalias, tirar seios (mulheres) ou por seios (homens) sem necessidade, com intenção de ferir o dimorfismo sexual.


O dimorfismo sexual de HOMENS E MULHERES serem defendidos.


Ser proibido por consequencia (e outras razões) a pornografia, de todo e qualquer tipo.

Ser proibido desenhos pornograficos, inclusive os de pedofilia (que não é proibido, e tem), zoofilia, sexo com demônios, monstros e coisas semelhantes, bem como fantasias doentias.

Ser proibido um homem dizer "esta é minha mulher" ou "minha esposa" sem o ser, sendo crime de mentira, mesmo que estejam morando juntos, mas não casados legalmente. Inclusive, sendo crime.


Ser DEVER de casamento o homem ceder o seu corpo para sexo com a mulher e vice versa sempre, dentro de limites de ordem e saúde, e higiene, e somente no sexo verdadeiro. O casamento portanto passaria a ser um acordo de parceria sexual obrigatória, tanto de se ter para fazer sexo quanto de ter o direito de ter sexo após realizar acordo. Brigas, discussões, não poderiam mais ser desculpas para o parceiro não ceder o corpo, que é direito do conjuge, sendo no entanto possível impedir por questões de adultério, ou violência, razões dignas de denuncia de crime e separação (temporaria, ou culminando em divorcio).


Crianças e adolescentes por consequencia ficariam proibidos POR LEI e julgaveis e até puniveis por lei de fazerem sexo. Isso é importante e muito, pois enquanto eles não podem ter relações com adultos, podendo ter relações entre si, e até por na internet, eles podem nos seduzir a pedofilia.

Pornografia fica proibido.
Prostituição fica proibido. Em alternativa as pessoas devem todas que requererem terem um auxilio moradia, e auxilio alimentar suficiente para sobrevivência minima SEMPRE, garantida, e pessoas que querem mesmo sexo podem se oferecer, SIM, em locais apropriados como pessoas altamente necessitadas e/ou desejosas por se casar, mas para se CASAR.

Com quem você faz sexo passa a ser um direito do governo e da população inteira saber. Assim não havendo espaço para sexo com uma pessoa sem saber que ela é casada, promovendo adultério e até gravidez indesejada que muitas vezes usam como desculpa para justificar aborto.

Sexo fica sendo permitido por lei a qualquer adulto sadio como um direito básico SOMENTE CASADO, somente em casamento somente com uma pessoa. Todo o mais passa a ser crime.

Viciados em sexo, pessoas que tem desejos e/ou fantasias más, inconvenientes ou injustas iriam para tratamentos, que podem ser nas igrejas, inclusive. Homossexuais e bissexuais, zoofilos (quer hetero-sexuais, quer não), zoófilos, pedófilos, amantes de orgia, amantes de fantasias como essas (como homens que amam homossexualismo feminino) teriam de se tratar, e se necessário, dependendo do caso, até a se casar.

O mesmo vale especialmente aos exibicionistas e voyeristas.

Fica a regra: "não pode fazer, então não faça, e não provoque". A sedução e erotismo ficaria limitada aos mecanismos de sedução, como dos animais com rituais do acasalamento. Isto é: uma mulher não poderia mais ficar sambando nua no carnaval (isto é atentado ao pudor, e assédio sexual coletivo, nudismo em local publico E PRIVADO DOS OUTROS), nem em revista erótica, nem em pornografia, nem no próprio site, nem por e-mail. Porém, podem, dentro de limites de sociedade (como guia de regra: todos poderem ver, solteiros, casados, crianças, animais, qualquer um) usar de mecanismos de sedução PARA FAZER ALGUÉM CASAR COM ELA, usando roupas dentro de um limite adequado a sociedade PARA CASAR.

Ficará como direito aos casados a privacidade sexual mas também DEVER de manter o sexo privado, isto é, de não fazer orgias, pornografia (fotos, videos, ou mesmo contos eróticos).

Quanto as "artes da sexualidade", elas terão de ser educativas e saudaveis, louvadoras do casamento, e com fantasias BONDOSAS, nunca maldosas.

Fica proibido mesmo na liberdade de expressão contos de adultério, sexo sem casamento, pedofilia, poligamia, sexo com animais, exibicionismo, estupros, sexo com crianças, e outras coisas do tipo, que hoje não são proibidas. Fica limitado o direito deles de criar artes a um nível NÃO MUITO EXCITANTE, isto é, incentivador da busca do sexo, não substituto do sexo. Incentivador do CASAMENTO, não uma exploração de todo o conteúdo injustamente, violando sua santidade.


Aceito sugestões, criticas, opiniões. E não digam "isso nunca vai pra frente, mesmo sendo bom", porque eu penso a longo prazo. Nem que fossem milênios (mas não o sendo), eu quero leis justas de sexualidade para o mundo todo. Pensem, tem país onde adultério é até punível com morte, e não conseguiríamos ter isso?

Medidas sobre "como evitar os crimes" e "como punir" ainda precisam ser vistas. No caso da internet, os sites seriam derrubaveis como os de pedofilia, mas também todos os autores rastreáveis. Há de se ter um tempo de aviso e adaptação de todos, sim, porque muitos são criminosos nos dias de hoje, mas há de ser somente por misericórdia, e graça, e para que haja o cumprimento, e o mais rápido possível.


O reino de Deus na terra não precisa de nenhuma praga apocalíptica, precisa de temor a Deus, e obediência. Modificações e melhorias e acréscimos e detalhes ainda hão de vir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário