segunda-feira, 26 de maio de 2014

Ok

carta a rede globo em resposta ao programa "ta no ar" da paródia que fizeram chamada
"crentes"
ver mais aqui, inclusive video da paródia

(e também sobre outra notica sobre conteúdo da globo envolvendo personagem evangélica ladra, veja noticia aqui)

Carta enviada a globo em 26/05/14

Eu, evangélico vi o video "crentes" do programa ta no ar e criticas de outros evangélicos.
Pessoalmente porém achei que a paródia não me ofendeu nada. Apenas tentou nos representar no nosso jeito de ser, rindo do   fato que parecemos "estranhos". Ok por mim, somos diferentes. Não houve critica nem ofensa nem falsidade com nosso jeito de ser. No maximo houve uma critica de achar-nos exagerados. Por mim: edai?

Com tanta piada ruim, humor sujo, coisas ofensivas ou inapropriadas que se tem de opção, para mim ver uma brincadeira com o nosso jeito de ser é até um alivio.

Gostaria de comentar tb porém sobre outra noticia que vi de programa de vocês, de uma evangélica ex-criminosa nova convertida mas com recaídas que bebe e rouba.
Ai a graça sai um pouco de cena.... Não que um novo convertido não pudesse de fato não estar realmente seguindo o cristianismo, existe corrupção em nosso meio, não nego, o problema é que nós nos sentimos descaracterizados.

Convenhamos: Boa parte de nós simplesmente não bebe (eu inclusive) e poucos de nós são ex criminosos com recaidas (ainda que haja).

seria bom se nas novelas evangélicos fossem simplesmente quem são. Somos criticos de algo que discordam? Ok, só não exagerar no perfil. Somos muito converservadores? Ok, não faça-nos liberais, faça como somos. Não precisa dizer que estamos certos ou errados, simplesmente nos façam o nosso retrato.
Agente não gosta de ouvir que TODO pastor é bandido, nem que todo crente é fanático, mas podemos ouvir que vamos muito na igreja e vivemos falando de biblia. Se é o que somos, acho que deveriamos aceitar. criticamos aborto, sexo sem casamento, homossexualidade? Ok, só não nos restratando fazendo escandalo e agrendido pessoas ou coisa do tipo.

Sentimos falta de ver evangélicos como NORMALMENTE somos. É isso, acho. Exceto que claro, uns não vão gostar do que verem, como na comédia, mas ai faz parte. Criticas assim são justas. E isso eu respeito e agradesço

Nenhum comentário:

Postar um comentário